Redação do Enem: o Guia Definitivo para tirar nota 1000

O MEC (Ministério da Educação) realizará em breve as provas do Enem – Exame Nacional do Ensino Médio e, neste artigo daremos dicas importantes àqueles que almejam tirar nota 1000 na redação.

Como se inscrever no Enem

Enem - Inscrições, provas, matérias e local de prova

Para aqueles que ainda não se inscreveram no Enem, explicaremos passo a passo como realizar a sua inscrição no programa.

Antes de dar o início, aconselhamos a todos que irão participar do Enem a lerem o edital do programa. Todas as regras, normas e datas são esclarecidas neste edital.

Ao realizar a inscrição no Enem, você estará concordando com todas as regras e normas do programa.

Para dar início no processo de inscrição no Enem, o estudante deve acessar a página do participante do programa que se encontra no site oficial do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), disponível no seguinte link: https://enem.inep.gov.br/participante/#!/inicial. Serão aceitas somente as inscrições realizadas neste site.

O participante precisa ter em mãos seus documentos pessoais, como: CPF (Cadastro de Pessoa Física) e também o RG (Registro Geral). Além disso, o estudante precisa informar um endereço de e-mail e um número de telefone pessoal válidos.

Através destes meios de comunicação, o Inep enviará notificações de todas as novidades do Enem.

Após, o aluno precisa informar onde deseja realizar as provas do Enem. Lembrando que a escola precisa ser cadastrada no MEC.

Aqueles alunos concluintes do ensino médio em escola de rede pública, precisa informar o número do cadastro da escola no Censo Escolar da Educação baixa, para que assim não precise realizar o pagamento da taxa de inscrição.

Ao informar o número do cadastro da escola, resta ao participante preencher todos os campos obrigatórios no ato da inscrição do Enem e logo após finalizá-la.

O Inep enviará um e-mail de comprovante de inscrição, e ao receber o estudante está com sua vaga garantida.

Aqueles que ainda não concluíram o ensino médio e irão realizar as provas do Enem na opção de treineiro, precisarão obrigatoriamente realizar o pagamento da taxa de inscrição do programa.

Já os estudantes cadastrados no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais) precisam informar apenas o número do seu NIS (Número de Identificação Social), tendo que está obrigatoriamente tudo dentro dos conformes das normas do NIS.

Os estudantes com renda familiar per capita inferior a um salário mínimo e meio por mês, precisam preencher todos os campos que estão prestados no ato da inscrição no Enem. Tendo preenchido, passará por uma avaliação do Inep e tendo essa avaliação sido aceita, o aluno estará também livre do pagamento da taxa de inscrição.

É de extrema importância que o participante não preste informações falsas durante a realização da inscrição no Enem, pois o Inep é totalmente encarregado de verificar se as informações prestadas pelos alunos são verdadeiras.

Caso tenham cometido algum ato leviano, o Inep não aceitará a inscrição do participante que ainda terá que arcar com o pagamento da taxa de inscrição, que de acordo com as edições passadas é de R$82,00.

Os participantes que solicitaram isenção da taxa de inscrição do Enem, receberão um e-mail de comprovante de inscrição. Ao receber, o participante está com sua vaga garantida no Enem.

Já para os que tiveram o pedido de isenção da taxa de inscrição negado, poderão tentar novamente a realização de uma nova inscrição no Enem e, após finalizada, receberá um boleto de pagamento. Após a realização do pagamento da taxa de inscrição dentro do período publicado em edital, o estudante também está com a vaga garantida no Enem.

O pagamento da taxa de inscrição do Enem pode ser realizado em qualquer agências bancárias, casas lotéricas e agência de Correios do país.

Dicas para tirar nota 1000 na redação do Enem

A redação do Enem rege uma importância muito grande nas provas do Enem e, cada edição que se passa do programa ela vem se tornando ainda mais importante.

O MEC encontrou através da redação um meio para testar nos alunos os conhecimentos de tudo que ocorre na atualidade, através da capacidade de argumentação do participante.

As demais matérias que compõem as provas de conhecimentos gerais variam o grau de dificuldade de questões fazendo com o que as notas podem ser diferentes, mesmo se acertado o mesmo número de questões de outras pessoas.

As questões consideradas mais difíceis tem um valor superior às demais. Caso o participante acerte um número superior de questões difíceis comparado às questões mais fáceis, o órgão responsável pela soma das notas das questões, o TRI (Teoria da Resposta ao Item), entende que o aluno ‘chutou’ as questões, fazendo com que tenham uma nota inferior comparado ao que realmente vale.

A redação do Enem é a única matéria que você pode ter garantia que pode tirar nota máxima, pois o TRI não pode realizar alterações nas notas por conta de ser uma única matéria e um único grau de dificuldade.

Porém para tirar nota 1000 na redação do Enem, requer muita atenção do participante, pois na edição passada apenas 53 candidatos de cerca de 6 milhões de inscritos.

Para dar o início na redação, o participante precisa muito dar uma boa estética na realização, com letras legíveis e bem organizados. Ocorre muito a prática do ditada ‘A primeira impressão é a que permanece’, pois o leitor busca corrigir primeiro os com boa estética.

É muito importante também que o estudante faça uma redação que preencha todas as linhas permitidas para a redação. Não pode de forma alguma atingir o mínimo de linha exigido pelo Enem, caso assim seja, sua nota não será a máxima.

Não é necessário a criação de títulos, fica a critério do participante isso. Porém o corretor das redações entende que é uma maneira de diminuir uma linha para a realização da redação.

O corretor busca através da sua redação a resposta para o tema, por tanto não comece a sua redação como se estivesse respondendo uma pergunta. Além disso, é bom evitar começar as redações com palavras que todos utilizam na maioria do início das mesmas. Palavras repetitivas tiram nota.

É importante também que o estudante saiba rasurar e a maneira considerada correta é a utilização de apenas um traço em cima da palavra errada.

Sempre que utilizar siglas, o participante precisa colocar o significado das mesmas para deixar esclarecido por qual motivo utilizou a mesma.

É importante que o aluno faça sua redação com introdução, desenvolvimento e conclusão, e que em cada término de parágrafo o estudante não deixe o assunto mudar no próximo que irá se iniciar e que ocorra um segmento de ideias.

Um dos principais motivos de estudantes tirarem zero na redação do Enem é a fuga ao tema. Muitos iniciam uma redação e terminam com um assunto totalmente diferente ou então não comenta nada sobre o principal tema. Caso isso ocorra, o participante tira zero.

A redação é utilizada também como um critério de desempate nos demais programas do MEC. Caso ocorra um empate de notas de corte no processo de seleção de demais programas, a vaga ficará com o estudante que obtiver uma nota superior na redação.

Por tanto, aconselhamos a todos que comecem a ler sobre todos os fatos da atualidade para que não seja pego de surpresa no momento de realizar a sua redação.

Caso obtenham mais dúvidas referentes ao Enem, deixe-as nos comentários que teremos o prazer de esclarecê-las a vocês. Desejamos a todos que irão realizar as provas do Enem, boa sorte!

Redação do Enem: o Guia Definitivo para tirar nota 1000
5 (100%) 2 votos

Comente.